CL-0024 - GD&T Dimensionamento Geométrico e Tolerância - John Deere

Descrição

Capacita os participantes a interpretar e aplicar os conceitos das Tolerâncias Geométricas, de acordo com as versões atuais da ASME Y14.5 e ISO 1101, sendo os principais tópicos:

  • Tipos de Tolerâncias Geométricas: Forma, Orientação, Localização, Batimento e Perfil
  • Estrutura de Referências: Primária, Secundária e Terciária (Datums)
  • Exercícios e Exemplos Reais: Interpretação, Aplicação e Medição de todas as tolerâncias geométricas
  • Simbologias: Geral, Adicional e Modificadores comparativa entre as séries de normas ASME Y14.5 e ISO 1101
  • Relação GD&T x Normas SGQ: Requisitos GD&T nas normas ISO 9001 e IATF 16949,
  • Conceitos Importantes: Condição Máximo Material (MMC), Condição Mínimo Material (LMC), Independente do Tamanho da Característica (RFS), Fronteiras e Efeitos dos Modificadores (RFS, MMC e LMC), Condição Virtual (CV), Condição Resultante (CR), Princípio de Envelope (Regra de Taylor), Conceito de Bônus (Ganhos) e Shift (Jogo)
  • Dispositivos de Controle Funcionais: Projeto e desenvolvimento baseado em GD&T
  • Regra de Conversão de Desenhos: Conversão de desenhos convencionais (lineares) em desenhos com tolerâncias geométricas de posição
  • Regra da Tolerância Zero na Condição de Máximo Material: Exemplos práticos
  • Estrutura de Referências (Datums): elaboração de Estrutura de Referências, qualificação de Datums, definição do Quadro de Tolerâncias Geométricas e estabilização de peças
  • Exemplos avançados de interpretação e medição: Tolerâncias geométricas de Forma, Orientação, Localização, Batimento e Perfil
  • Modificadores de Tolerância Geométrica avançados: Interpretação e aplicação
  • Exercícios avançados de criação: Elaboração, especificação e qualificação de Estrutura de Referências primária, secundária e terciária, definição do Quadro de Tolerâncias Geométricas para as características funcionais do produto, controle e medição de tolerâncias geométricas
  • Exercícios Avançados de interpretação e medição: Quadro de Tolerâncias Múltiplas Compostas e Tolerâncias Múltiplas com Segmentos Simples

OBJETIVO DO TREINAMENTO

Redução no tempo e custos de desenvolvimento de produtos, por meio do melhor entendimento, especificação e comunicação dos requisitos dimensionais e geométricos.
Interpretação técnica sobre desenhos mecânicos referentes a vistas, cortes, rebatimentos, perspectivas, estrutura de referências, tolerâncias dimensionais e geométricas.
Alinhamento completo entre engenharia do produto, engenharia do processo de manufatura e engenharia da qualidade quanto:

a) APLICABILIDADE E FUNCIONALIDADE DO PRODUTO: Elaboração das especificações de elementos e características lineares, dimensionais e geométricas, com base num apropriado Estrutura de Referências do Produto;

b) MANUFATURABILIDADE DO PRODUTO: Processo de fabricação alinhado com a Estrutura de Referências do Produto, previamente discutido e acordados pelas engenharias de produto e manufatura;

c) QUALIDADE DO RELATÓRIO DE INSPEÇÃO DO PRODUTO: Processo de medição e controle de qualidade alinhado com a Estrutura de Referências do Produto, possibilitando a medição precisa/exata dos resultados reais de qualidade do produto.

Melhoria nos níveis de qualidade e redução dos custos totais de produção, através do entendimento integrado das 3 engenharias (produto, processo e qualidade) quanto as especificações funcionais do produto, EVITANDO:

a) Elaboração de tolerâncias geométricas e dimensionais não realísticas;
b) Perdas no processo de fabricação, controle e inspeção do produto (retrabalhos, reparos, refugos, reinspeções e seleções excessivas);
c) Decisões errôneas quanto ao critério de aceitação do produto (Aprovação/Rejeição) PÚ.

Público Alvo

Profissional ligado às áreas de engenharia de produto, engenharia industrial e de processos, ferramentaria, produção, metrologia e garantia da qualidade.
 

Conteúdo

  • Introdução;
  • Histórico e Normas ASME Y14.5:2018 e ISO 1101:2017;
  • Comparativo entre normas ASME e ISO de GD&T;
  • Tolerância Dimensional x Tolerância Geométrica;
  • GD&T e os Fundamentos de Projeto de Produto: Função (aplicação) e Relação (montagem);
  • Definições, Simbologia e Indicações em Desenhos, Estrutura de Referências e Quadro de Tolerâncias;
  • Simbologia e significado das tolerâncias geométricas;
  • Modificadores da tolerância geométrica: Significado e Aplicações;
  • Exercícios Práticos de projeto de dispositivos de controle funcionais;
  • Exercícios Práticos de verificação de tolerâncias geométrica e formação de laudo aprovado/reprovado;
  • Regras Fundamentais do GD&T;
  • Regra 1 ou do Envelope (ASME) X Princípio de Independência (ISO);
  • Regra 2 ou da Condição RFS padrão;
  • Condição Virtual e Condição Resultante: Significado e Aplicação;
  • Datum (Elemento de Referência);
  • GD&T e os Fundamentos de Projeto de Produto: Função (aplicação) e Relação (montagem);
  • Datum, Datum Feature e Datum Feature Simulator;
  • Como simular Datum para projetar o dispositivo de fabricação e de controle;
  • Exercícios avançados de interpretação e aplicação de Tolerâncias Geométricas de Forma, Orientação, Localização, Batimento e Perfil;
  • Modificadores avançados de tolerância geométrica: Interpretação e Aplicação;
  • Exercícios avançados para elaboração, especificação e qualificação de Estruturas de Referências primária, secundária e terciária (Datums), Quadro de Tolerâncias para as características funcionais do produto, controle e medição das tolerâncias geométricas;
  • Melhores Práticas para a estabilização de peças, Graus de liberdade e Regra 3-2-1 para nivelamento, alinhamento e definição de origem;
  • Tolerância combinada com o controle de Perfil e Posição (MMC) (Boundary).
     

Importante

PRÉ-REQUISITOS

  • 2o grau completo, conhecimento de leitura e interpretação de desenho básico.
     

Carga Horária

Carga horária: 24 horas

Capacita os participantes a interpretar e aplicar os conceitos das Tolerâncias Geométricas, de acordo com as versões atuais da ASME Y14.5 e ISO 1101, sendo os principais tópicos:

  • Tipos de Tolerâncias Geométricas: Forma, Orientação, Localização, Batimento e Perfil
  • Estrutura de Referências: Primária, Secundária e Terciária (Datums)
  • Exercícios e Exemplos Reais: Interpretação, Aplicação e Medição de todas as tolerâncias geométricas
  • Simbologias: Geral, Adicional e Modificadores comparativa entre as séries de normas ASME Y14.5 e ISO 1101
  • Relação GD&T x Normas SGQ: Requisitos GD&T nas normas ISO 9001 e IATF 16949,
  • Conceitos Importantes: Condição Máximo Material (MMC), Condição Mínimo Material (LMC), Independente do Tamanho da Característica (RFS), Fronteiras e Efeitos dos Modificadores (RFS, MMC e LMC), Condição Virtual (CV), Condição Resultante (CR), Princípio de Envelope (Regra de Taylor), Conceito de Bônus (Ganhos) e Shift (Jogo)
  • Dispositivos de Controle Funcionais: Projeto e desenvolvimento baseado em GD&T
  • Regra de Conversão de Desenhos: Conversão de desenhos convencionais (lineares) em desenhos com tolerâncias geométricas de posição
  • Regra da Tolerância Zero na Condição de Máximo Material: Exemplos práticos
  • Estrutura de Referências (Datums): elaboração de Estrutura de Referências, qualificação de Datums, definição do Quadro de Tolerâncias Geométricas e estabilização de peças
  • Exemplos avançados de interpretação e medição: Tolerâncias geométricas de Forma, Orientação, Localização, Batimento e Perfil
  • Modificadores de Tolerância Geométrica avançados: Interpretação e aplicação
  • Exercícios avançados de criação: Elaboração, especificação e qualificação de Estrutura de Referências primária, secundária e terciária, definição do Quadro de Tolerâncias Geométricas para as características funcionais do produto, controle e medição de tolerâncias geométricas
  • Exercícios Avançados de interpretação e medição: Quadro de Tolerâncias Múltiplas Compostas e Tolerâncias Múltiplas com Segmentos Simples

OBJETIVO DO TREINAMENTO

Redução no tempo e custos de desenvolvimento de produtos, por meio do melhor entendimento, especificação e comunicação dos requisitos dimensionais e geométricos.
Interpretação técnica sobre desenhos mecânicos referentes a vistas, cortes, rebatimentos, perspectivas, estrutura de referências, tolerâncias dimensionais e geométricas.
Alinhamento completo entre engenharia do produto, engenharia do processo de manufatura e engenharia da qualidade quanto:

a) APLICABILIDADE E FUNCIONALIDADE DO PRODUTO: Elaboração das especificações de elementos e características lineares, dimensionais e geométricas, com base num apropriado Estrutura de Referências do Produto;

b) MANUFATURABILIDADE DO PRODUTO: Processo de fabricação alinhado com a Estrutura de Referências do Produto, previamente discutido e acordados pelas engenharias de produto e manufatura;

c) QUALIDADE DO RELATÓRIO DE INSPEÇÃO DO PRODUTO: Processo de medição e controle de qualidade alinhado com a Estrutura de Referências do Produto, possibilitando a medição precisa/exata dos resultados reais de qualidade do produto.

Melhoria nos níveis de qualidade e redução dos custos totais de produção, através do entendimento integrado das 3 engenharias (produto, processo e qualidade) quanto as especificações funcionais do produto, EVITANDO:

a) Elaboração de tolerâncias geométricas e dimensionais não realísticas;
b) Perdas no processo de fabricação, controle e inspeção do produto (retrabalhos, reparos, refugos, reinspeções e seleções excessivas);
c) Decisões errôneas quanto ao critério de aceitação do produto (Aprovação/Rejeição) PÚ.

Profissional ligado às áreas de engenharia de produto, engenharia industrial e de processos, ferramentaria, produção, metrologia e garantia da qualidade.
 

  • Introdução;
  • Histórico e Normas ASME Y14.5:2018 e ISO 1101:2017;
  • Comparativo entre normas ASME e ISO de GD&T;
  • Tolerância Dimensional x Tolerância Geométrica;
  • GD&T e os Fundamentos de Projeto de Produto: Função (aplicação) e Relação (montagem);
  • Definições, Simbologia e Indicações em Desenhos, Estrutura de Referências e Quadro de Tolerâncias;
  • Simbologia e significado das tolerâncias geométricas;
  • Modificadores da tolerância geométrica: Significado e Aplicações;
  • Exercícios Práticos de projeto de dispositivos de controle funcionais;
  • Exercícios Práticos de verificação de tolerâncias geométrica e formação de laudo aprovado/reprovado;
  • Regras Fundamentais do GD&T;
  • Regra 1 ou do Envelope (ASME) X Princípio de Independência (ISO);
  • Regra 2 ou da Condição RFS padrão;
  • Condição Virtual e Condição Resultante: Significado e Aplicação;
  • Datum (Elemento de Referência);
  • GD&T e os Fundamentos de Projeto de Produto: Função (aplicação) e Relação (montagem);
  • Datum, Datum Feature e Datum Feature Simulator;
  • Como simular Datum para projetar o dispositivo de fabricação e de controle;
  • Exercícios avançados de interpretação e aplicação de Tolerâncias Geométricas de Forma, Orientação, Localização, Batimento e Perfil;
  • Modificadores avançados de tolerância geométrica: Interpretação e Aplicação;
  • Exercícios avançados para elaboração, especificação e qualificação de Estruturas de Referências primária, secundária e terciária (Datums), Quadro de Tolerâncias para as características funcionais do produto, controle e medição das tolerâncias geométricas;
  • Melhores Práticas para a estabilização de peças, Graus de liberdade e Regra 3-2-1 para nivelamento, alinhamento e definição de origem;
  • Tolerância combinada com o controle de Perfil e Posição (MMC) (Boundary).
     

Importante:

PRÉ-REQUISITOS

  • 2o grau completo, conhecimento de leitura e interpretação de desenho básico.
     

Carga horária: 24 horas


Consulte In Company Quero me inscrever

Inscrição no treinamento:

CL-0024 - GD&T Dimensionamento Geométrico e Tolerância - John Deere


         

 

Consulte In Company

Quero me inscrever