FA-0044 - CQI-12 3ª Edição Sistema de Tratamento de Revestimento Requisitos e Formação de Auditor

Descrição

  • Assegurar a correta interpretação dos requisitos de CQI-12 (3ª Edição) “Processo Especial: Avaliação do Sistema de Revestimento (Coating/Pintura) – CSA”;
  • Atendimento ao Requisito Específico das Montadoras (GM, Ford, FCA, etc.) para fornecedores diretos e subfornecedores;
  • Melhorar a gestão dos processos de manufatura de tratamento superficial de revestimento (coating/pintura), focando na Prevenção e Melhoria da Qualidade pela promoção de maior conhecimento e controle sobre o processo e pela redução de riscos de ocorrência de produtos não conformes e custos da não qualidade, principalmente com relação a produtos de segurança;
  • Entender as exigências essenciais do CQI-12, aplicar as trilhas de auditoria, identificar as evidências objetivas, realizar diagnósticos confiáveis e tratar as não conformidades identificadas através de ações corretivas eficazes conforme os prazos requeridos;
  • Melhorar a qualificação dos auditores internos IATF16949 e ISO9001 para a condução de auditorias internas em processos de manufatura que incluam tratamento superficial de revestimento (coating/pintura);
  • Entender e atualizar todas as alterações ocorridas no CQI-12 na 3ª Edição.

DIFERENCIAL DO TREINAMENTO

Treinamento sancionado pela AIAG (Automotive Industry Action Group), que é a referência para a cadeia automobilística a nível mundial.

Público Alvo

  • Profissionais envolvidos com o processo de manufatura de Tratamento Superficial,
  • Auditores de processo que desejam se qualificar como auditores de CQI-12.

 

Conteúdo

  • Porque a AIAG criou o CQI-12.
  • Revisão Geral dos Processos de Revestimento (Coating/Pintura).
  • Principais alterações do CQI-12 3ª Edição.
  1. Pirometria – Requisitos detalhados sobre Termopares, Instrumentação, teste SAT e avaliação TUS
  2. Equipamentos – Requisitos críticos de equipamentos de processos foram adicionados nas Tabelas de Processo, simplificando o fluxo da auditoria
  3. Critério de Classificação/Constatação – Simplificado para “Conforme/Não Conforme”, proporcionando uma conotação mais construtiva ao processo de auditoria
  4. Auditoria do Trabalho (Job Audit) – Colunas foram adicionadas para registrar os resultados dos parâmetros de processo evidenciados na Auditoria do Trabalho
  5. Diretrizes para Evidências Objetivas nas Seções 1 e 2 – Foram incluídas diretrizes para facilitar exemplos que podem ser usados como evidências objetivas
  • Interpretação dos Requisitos da Avaliação do Sistema de Tratamento Superficial por Revestimento (Coating/Pintura).
  • Seção 1 – Responsabilidade da Gestão e Planejamento da Qualidade
  • Seção 2 – Responsabilidade pelo Chão de Fábrica e Manuseio de Materiais
  • Seção 3 – Pirometria – Termopares, Instrumentação, Teste SAT e Avaliação TUS
  • Seção 4 – Auditoria do Trabalho
  • Interpretação das 11 Tabelas de Processo aplicáveis aos processos de Tratamento Superficial por Revestimento (Coating/Pintura).
  • TABELA A – Pré-Tratamento (Meio Aquoso)
  • TABELA B – Pré-Tratamento (Mecânico)
  • TABELA C – Camadas de Conversão
  • TABELA D – Pintura a Pó
  • TABELA E – Pintura Spray
  • TABELA F – Eletrodeposição (KTL)
  • TABELA G – Imersão/Centrifugação (Dip/Spin – Revestimento Organometálico)
  • TABELA H – Auto deposição
  • TABELA I – Cura
  • TABELA J – Anodização e Anodização com Revestimento Duro
  • TABELA K – Verificação/Calibração de Equipamentos de Teste e Controle de Processo
  • Atividades em grupos, dinâmicas, exercícios em sala de aula e estudo de caso através da simulação de um processo de Tratamento Superficial por Revestimento
  • Discussão de potenciais não-conformidades e ações corretivas aplicáveis identificadas na Auditoria CQI-12 CSA.

 

Importante

CRITÉRIOS DE QUALIFICAÇÃO DE AUDITOR – conforme Guia CQI-12

A organização deve garantir a qualificação do Auditor de acordo com os seguintes critérios:

  1. O Avaliador deve ter experiência em Sistemas de Gestão da Qualidade como auditor interno (por exemplo ISO 9001, IATF 16949)
  2. O Avaliador deve possuir conhecimento em processo de Tratamento Superficial por Revestimento (Coating/Pintura). Evidência deve incluir no mínimo 5 anos de experiência em tratamento superficial por revestimento ou uma combinação de formação educacional em química e experiência em tratamento superficial por revestimento, totalizando um mínimo de 5 anos
  3. O Avaliador deve possuir conhecimento e estar familiarizado com a aplicação dos Core Tools Automotivos, incluindo CEP, MSA, FMEA e APQP/PPAP.

Nota: se mais de um auditor for requerido para atender as qualificações acima, o auditor Líder deve ser o profissional que atenda o requisito do item # 1.

 


Carga Horária

Carga horária: 16 horas

  • Assegurar a correta interpretação dos requisitos de CQI-12 (3ª Edição) “Processo Especial: Avaliação do Sistema de Revestimento (Coating/Pintura) – CSA”;
  • Atendimento ao Requisito Específico das Montadoras (GM, Ford, FCA, etc.) para fornecedores diretos e subfornecedores;
  • Melhorar a gestão dos processos de manufatura de tratamento superficial de revestimento (coating/pintura), focando na Prevenção e Melhoria da Qualidade pela promoção de maior conhecimento e controle sobre o processo e pela redução de riscos de ocorrência de produtos não conformes e custos da não qualidade, principalmente com relação a produtos de segurança;
  • Entender as exigências essenciais do CQI-12, aplicar as trilhas de auditoria, identificar as evidências objetivas, realizar diagnósticos confiáveis e tratar as não conformidades identificadas através de ações corretivas eficazes conforme os prazos requeridos;
  • Melhorar a qualificação dos auditores internos IATF16949 e ISO9001 para a condução de auditorias internas em processos de manufatura que incluam tratamento superficial de revestimento (coating/pintura);
  • Entender e atualizar todas as alterações ocorridas no CQI-12 na 3ª Edição.

DIFERENCIAL DO TREINAMENTO

Treinamento sancionado pela AIAG (Automotive Industry Action Group), que é a referência para a cadeia automobilística a nível mundial.

  • Profissionais envolvidos com o processo de manufatura de Tratamento Superficial,
  • Auditores de processo que desejam se qualificar como auditores de CQI-12.

 

  • Porque a AIAG criou o CQI-12.
  • Revisão Geral dos Processos de Revestimento (Coating/Pintura).
  • Principais alterações do CQI-12 3ª Edição.
  1. Pirometria – Requisitos detalhados sobre Termopares, Instrumentação, teste SAT e avaliação TUS
  2. Equipamentos – Requisitos críticos de equipamentos de processos foram adicionados nas Tabelas de Processo, simplificando o fluxo da auditoria
  3. Critério de Classificação/Constatação – Simplificado para “Conforme/Não Conforme”, proporcionando uma conotação mais construtiva ao processo de auditoria
  4. Auditoria do Trabalho (Job Audit) – Colunas foram adicionadas para registrar os resultados dos parâmetros de processo evidenciados na Auditoria do Trabalho
  5. Diretrizes para Evidências Objetivas nas Seções 1 e 2 – Foram incluídas diretrizes para facilitar exemplos que podem ser usados como evidências objetivas
  • Interpretação dos Requisitos da Avaliação do Sistema de Tratamento Superficial por Revestimento (Coating/Pintura).
  • Seção 1 – Responsabilidade da Gestão e Planejamento da Qualidade
  • Seção 2 – Responsabilidade pelo Chão de Fábrica e Manuseio de Materiais
  • Seção 3 – Pirometria – Termopares, Instrumentação, Teste SAT e Avaliação TUS
  • Seção 4 – Auditoria do Trabalho
  • Interpretação das 11 Tabelas de Processo aplicáveis aos processos de Tratamento Superficial por Revestimento (Coating/Pintura).
  • TABELA A – Pré-Tratamento (Meio Aquoso)
  • TABELA B – Pré-Tratamento (Mecânico)
  • TABELA C – Camadas de Conversão
  • TABELA D – Pintura a Pó
  • TABELA E – Pintura Spray
  • TABELA F – Eletrodeposição (KTL)
  • TABELA G – Imersão/Centrifugação (Dip/Spin – Revestimento Organometálico)
  • TABELA H – Auto deposição
  • TABELA I – Cura
  • TABELA J – Anodização e Anodização com Revestimento Duro
  • TABELA K – Verificação/Calibração de Equipamentos de Teste e Controle de Processo
  • Atividades em grupos, dinâmicas, exercícios em sala de aula e estudo de caso através da simulação de um processo de Tratamento Superficial por Revestimento
  • Discussão de potenciais não-conformidades e ações corretivas aplicáveis identificadas na Auditoria CQI-12 CSA.

 

Importante:

CRITÉRIOS DE QUALIFICAÇÃO DE AUDITOR – conforme Guia CQI-12

A organização deve garantir a qualificação do Auditor de acordo com os seguintes critérios:

  1. O Avaliador deve ter experiência em Sistemas de Gestão da Qualidade como auditor interno (por exemplo ISO 9001, IATF 16949)
  2. O Avaliador deve possuir conhecimento em processo de Tratamento Superficial por Revestimento (Coating/Pintura). Evidência deve incluir no mínimo 5 anos de experiência em tratamento superficial por revestimento ou uma combinação de formação educacional em química e experiência em tratamento superficial por revestimento, totalizando um mínimo de 5 anos
  3. O Avaliador deve possuir conhecimento e estar familiarizado com a aplicação dos Core Tools Automotivos, incluindo CEP, MSA, FMEA e APQP/PPAP.

Nota: se mais de um auditor for requerido para atender as qualificações acima, o auditor Líder deve ser o profissional que atenda o requisito do item # 1.

 

Carga horária: 16 horas


Consulte In Company Quero me inscrever

Inscrição no treinamento:

FA-0044 - CQI-12 3ª Edição Sistema de Tratamento de Revestimento Requisitos e Formação de Auditor


         

 

Consulte In Company Quero me inscrever